pro corpo pro corpo procorpo nutricionista ração humana localizaçao emagrecer dieta tpm
  menu newsletter e-mail procorpo pro corpo rh promoçoes parceiros tratamentos para homens emagrecer depoimento tratamentos estéticos pró-corpo cirurgia plástica
pro corpo


mais procurados prótese de silicone lipoaspiração abdominoplastia co2 fracionado depilação a laser gordura localizada carboxiterapia
 

Confira as Dicas & Notícias da nossa Nutricionista:

light ou diet Chás que esquentam

O inverno está rigoroso, e um dos melhores amigos do frio são os chás, que equentam o corpo e nos fazem sentir melhor. Assim, seguem algumas receitas de chás naturais deliciosos. Faça e confira!

Chá de Maça

Ingredientes:
4 xícaras de chá de água
Casca de 1 maça
1 pedaço de canela em pau ( +/- 5 cm)
3 cravos sem o miolo
Modo de preparo:
Ferver por 15 minutos;
Usar adoçante após a fervura.

Chá de limão e hortelã

Ingredientes:
3 xícaras de chá de água
½ xícara de chá com folhas de hortelã
5 cravos sem o miolo
Sucos de 2 limões
Modo de preparo:
Ferver a água e acrescentar as folhas de hortelã e os cravos; Abaixar o fogo e ferver por 10 minutos ; Coe numa peneira fina e misture com o suco de limão ; Por fim, usar adoçante.

Chá de erva-doce com canela

Ingredientes:
4 xícaras de chá de água
1 colher de sopa de erva-doce
1 pedaço de canela em pau ( +/- 5 cm)
Modo de preparo:
Deixar ferver por 15 minutos;
Tampar e deixar em descanso por 10 minutos; Usar adoçante após fervura.

Chá de erva-cidreira

Ingredientes:
4 xícaras de chá de água
1 xícara de erva-cidreira picada

Modo de preparo:
Deixar ferver por 15 minutos;
Tampar e deixar em descanso por 10 minutos; Usar adoçante após fervura.

Chá para aquecer

Ingredientes:
4 xícaras de chá de água
1 colher de sopa de gengibre
5 cravos sem o miolo
1 pedaço de canela em pau ( +/- 5 cm)
Modo de preparo:
Ferver por 15 minutos, devendo ser ingerido de preferência bem quente; Usar adoçante após fervura.

Chá de abacaxi

1 litro de água
1 abacaxi médio bem picado
1 xícara de café de mel (diabético não pode utilizar) Modo de Preparo:
Cozinhar o abacaxi até ficar transparente ( aproximadamente 20 minutos); Colocar uma xícara de café de mel; Por fim, coar.
Obs: O abacaxi coado pode ser polvilhado com canela e servido como sobremesa.

light ou diet Não esqueça de beber muita água neste inverno

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, beber água no inverno é tão importante quanto no verão. O problema maior é que as pessoas já não têm uma ingestão adequada no calor, agora imagina no inverno...

A água tem uma importância vital para o equilíbrio do corpo, em média devemos ingerir de 8 ? 10 copos por dia, assim seguem algumas funções da água em destaque no inverno:

  • Ajuda a regular a temperatura corporal, por isso, precisamos consumi-la em qualquer estação do ano;
  • Mantém a pele hidratada, é comum o aumento de pessoas com problemas de pele?
  • Prevenir doenças pulmonares e respiratórias, características dessa época do ano.

Não esqueça, quando estiver praticando alguma atividade física, estará simplesmente repondo o que está perdendo com o suor, por isso há a necessidade de beber água a mais.

Se você tem certa dificuldade em beber água, uma boa opção para adicionar (não é substituir) são os chás (camomila, erva-doce, erva-cidreira,...), mas sempre dando preferência as ervas e as frutas como melão, melancia, laranja e abacaxi. Elas são mais ricas em líquido do que frutas típicas do inverno, como abacate, maçã e uva.

Dra. Letícia Candido Possebon - Nutricionista CRN 3:20332

light ou diet Como manter a linha na Páscoa

Quem é que não espera ansiosamente o Domingo de Páscoa, ou melhor, o feriado da Páscoa? Assim como o Natal, a Páscoa é o dia em que as famílias se reúnem em volta de uma mesa farta para se deliciarem com tortas, pães recheados, bolos, colombas pascais, doces e chocolates!
Mas, não é porque você está fazendo uma dieta ou está tentando manter o peso que deixará de comer essas gostosuras, não é? Conheça melhores opções na hora de se alimentar e não extrapole na quantidade.

No tradicional almoço de Páscoa, prepare pratos saudáveis. Use e abuse das saladas, com verduras e legumes, crus, cozidos ou refogados.
Utilize temperos benéficos, como: cebola, alho, ervas aromáticas, limão, azeite de oliva extra virgem (cuidado com a quantidade), molhos à base de iogurte natural desnatado;
Na hora de escolher o tipo de carne, não pense duas vezes e prefira o peixe. Além de ser muito nutritivo, possui poucas calorias e combatem as doenças cardiovasculares. Opte por prepará-lo assado, grelhado ou cozido; Os acompanhamentos podem ser variados, dependendo do tipo de carne.
Sugestões: arroz, cuscuz, suflês, legumes gratinados, purês, etc. Mas sempre busque refogar, grelhar, assar ou cozinhar. Evite frituras! Não exagere na quantidade;
Na hora da sobremesa, opte por frutas ou doces de frutas que além de ser menos calórico, são nutritivos e ricos em fibras.
Na escolha do ovo, opte pelo chocolate ao leite, com recheio de frutas, com flocos de arroz, com soja, ao invés do chocolate branco, dos recheados com amendoim, castanha de caju e outros tipos muito calóricos. Se consumido em quantidade moderada, o chocolate pode trazer benefícios à saúde presentes no cacau. São fontes de energia!
Liberam glicose para o sangue rapidamente, mas se consumidos em excesso, podem ser prejudicial, pois fornecem muitas calorias e gorduras;
O chocolate amargo ou meio amargo ainda é mais saudável do que os outros, mencionados acima, devido à maior quantidade de cacau em sua composição;
A famosa colomba pascal também pode ser consumida, desde que com moderação. Dê preferência às que não contêm a adição de gotinhas de chocolate, pois aumentam o valor calórico;

É muito importante saber que o chocolate diet não favorece o emagrecimento. Muitas pessoas se enganam acreditando que esta opção possui menos calorias e acabam substituindo o tradicional por este tipo de produto. O chocolate diet é isento de açúcar, mas possui grande quantidade de gordura para compensar e por isso não ajuda a eliminar peso. Portanto, são indicados para diabéticos, mas com moderação;

Pessoas com intolerância a lactose devem escolher chocolates à base de soja;
O segredo está na quantidade! Não exagere! Consuma um pedaço pequeno, devendo evitar consumi-lo na parte da noite, próximo ao horário de ir dormir;

Faça uma boa ação: divida o chocolate com os seus amigos e familiares.
Desta forma você estará dividindo as calorias, poupando-se de consumi-las sozinho e evitando assim a tentação de querer comê-lo a todo o momento;

Se você está em processo de emagrecimento e se sentir tentado a comer mais chocolate do que o indicado, faça a seguinte pergunta: Se eu me exceder no consumo atingirei o meu objetivo? Caso a resposta seja não, mantenha a disciplina e não desvie do seu caminho a essa altura do campeonato.
Agora, se você pretende passar uma páscoa saudável, deixe de lado o desânimo e vá à luta. Isso mesmo! Só não vale ficar parado.
Uma ótima Páscoa!

Dra. Letícia Candido Possebon - Nutricionista CRN 3:20332

light ou diet Benefícios das Sementes

As oleaginosas ou frutas oleaginosas são as sementes comestíveis das plantas como a castanha do Pará, castanha de caju, nozes, pistache,  avelã, amêndoas, macadâmia etc.
Quem busca uma alimentação saudável deve incluir nos seus hábitos alimentares diários as oleaginosas.

Mas por que consumir oleaginosas?
São calóricas, mas ricas em muitos nutrientes importantes para o equilíbrio e a harmonia do organismo. São fontes de gorduras insaturadas, fibras, proteínas de origem vegetal, vitamina E, selênio, cálcio, ferro, magnésio, potássio, zinco, vitaminas do complexo B e ômega 3.

As gorduras insaturadas também são conhecidas como "gorduras boas", estão relacionadas com a redução do colesterol "ruim"( LDL-c) e aumento do "bom"(HDL- c), podendo auxiliar na prevenção de doenças cardíacas.

Conhecendo algumas oleaginosas:
Nozes: fonte de energia, vitamina E, niacina, magnésio, zinco, potássio, proteína vegetal, antioxidantes entre outros. Importante por combater o envelhecimento e prevenir doenças, entre elas câncer e doenças cardíacas.

O magnésio é essencial para produção de serotonina. A serotonina é um neurotransmissor relacionado ao prazer, bem estar, alegria. Evitando ou auxiliando na prevenção da depressão.

Avelãs: rica em cálcio que junto com outras vitaminas e minerais, é essencial para prevenção de osteoporose.

Amêndoas: Rica em potássio e vitamina E (considerada antioxidante), importante na prevenção de doenças cardíacas, hipercolesterolemia (colesterol alto), câncer e envelhecimento.

Macadâmia: Pouco consumida pelos brasileiros. É de origem australiana. Rica em potássio, fósforo, magnésio, cálcio, selênio, zinco, cobre, ferro e vitaminas do complexo B. Pode auxiliar na redução do colesterol e frações, na prevenção e tratamento de doenças cardíacas, anemia, depressão etc.
Recomenda-se a ingestão diária das oleaginosas, 2 a 3 unidades, intercalando entre elas.

Dra. Letícia Candido Possebon - Nutricionista CRN 3:20332

light ou diet Sucos Desintoxicantes Pós Carnaval!

Durante o feriado de Carnaval muita gente abusa no consumo de comidas gordurosas, doces e bebidas alcoólicas. Para evitar a sensação de mal-estar depois da folia seguem alguns sucos que além de tudo irão auxiliar na desintoxicação.
Se achar necessário adoçar, utilizar adoçante a base de stévia e sucralose (não causam sabor residual).
Esses sucos podem muito bem ser ingeridos nos intervalos das refeições. Mas, não esqueça que é fundamental beber aproximadamente 2 litros de água mineral no decorrer do dia.

Suco Desintoxicante 1

Ingredientes:
1 xícara de uva sem as sementes (deixar a pele)
1/2 maço de hortelã (talos e folhas)
1 colher (sopa) de semente de linhaça dourada hidratada
1 copo (200ml) de água mineral ou de água-de-coco
Preparo: Bater no liquidificador e sirva imediatamente.

Suco Desintoxicante 2

Ingredientes:
1 copo (200ml) de água-de-coco
¼ de couve crua
1 colher (sopa) de suco de limão
1 colher (sopa) de salsinha
1 colher (sobremesa) de hortelã
1 fatia de melão ou abacaxi
2 cubos de gelo
Preparo: Bater no liquidificador e não coar. Sirva imediatamente.

Suco Desintoxicante 3

Ingredientes:
2 maçãs pequenas
1 punhado de espinafre
1 pedaço de beterraba crua
1 fatia de pepino
1 punhado pequeno de salsa
½ abacate maduro
1 copo (100ml) de água-de-coco
2 cubos de gelo
Preparo: Bater no liquidificador e não coar. Sirva imediatamente.

Suco Desintoxicante 4

Ingredientes:
2 maçãs pequenas
1 fatia de limão (com casca)
1 fatia de pepino
1 talo de aipo
1 pedaço de gengibre
2 cubos e gelo
Preparo: Bater no liquidificador e sirva imediatamente.

Suco Desintoxicante 5

Ingredientes:
1 maçã média
½ cenoura
1 talo pequeno de aipo (ou salsão)
1 folha de couve crua
1 pedaço de gengibre
50 ml de suco de limão natural
2 fatias de abacaxi
Suco de 1 laranja
1 fatia de melancia
1 copo (100 ml) de água mineral gelada
Preparo: Pique os ingredientes e bata no liquidificador ou centrífuga.
Sirva imediatamente.

Dra. Letícia Candido Possebon - Nutricionista CRN 3:20332

light ou diet Prepare-se para o Carnaval!

O Carnaval está chegando e com as altas temperaturas da época, a melhor saída é apostar em um cardápio com alimentos leves, refrescantes e que forneçam energia para o corpo. Afinal, é preciso muita saúde e disposição para encarar os dias de folia sem perder o pique.

  • É importante que você consuma, antes da festa, uma refeição saudável e que contenha alimentos fontes de carboidratos (pães integrais, massas, batata cozida, arroz, e etc.), pois são importantes para manter o seu pique;

  • Abuse das saladas, procurando ingerir uma grande variedade de legumes e verduras, principalmente crus. Esses alimentos, além de fornecerem importantes nutrientes, ainda ajudam na reposição das perdas de água e sais minerais geradas pela transpiração. As frutas podem ser utilizadas para o mesmo fim, ingerindo de 3 a 4 por dia;

  • Se tiver vontade de tomar sorvete, prefira aqueles feito com frutas à base de água ou leite desnatado, além de serem mais refrescantes, tem menos valor calórico;
  • Evite alimentos gordurosos (frituras, carnes com gordura aparente, feijoada, preparações ou lanches à base de embutidos, maionese, queijos amarelos, etc.), já que, além de muito calóricos são difíceis de serem digeridos, podendo causar indisposição e cansaço;
  • Não se esquecer de manter, no mínimo, as 5 refeições diárias (café da manhã, intervalo da manhã, almoço, intervalo da tarde e jantar). Pular carnaval em jejum ou com uma alimentação insuficiente pode trazer danos ao corpo;
  • Respeitar os horários das refeições ou, em caso de horários diferenciados, manterem um intervalo máximo de 3 a 4 horas entre uma refeição e outra, é fundamental prevenir a desidratação, fadiga, estresse, perda de massa muscular, etc.;
  • Não descuide da hidratação, pois há grande perda de líquidos pelo suor. Portanto, beba bastante água mineral, água de coco, sucos de frutas, chás gelados e isotônicos, antes, durante e depois da diversão;
  • Cuidado com o excesso de bebidas alcoólicas, elas levam à desidratação além de provocarem ressaca, dores de cabeça e náuseas. Vale ressaltar que, quanto maior o teor alcoólico da bebida mais calorias ela apresenta.

Tenha um Ótimo Carnaval 2011!

Dra. Letícia Candido Possebon - Nutricionista CRN 3:20332

light ou diet Dicas de alimentação para as festas de fim de ano

Fim de ano se aproximando é sinônimo de muitas festas e comemorações. Normalmente os alimentos consumidos nessas ocasiões são extremamente calóricos, ricos em gordura, doces, sobremesas e bebidas calóricas. Realmente esse não é o momento ideal para se iniciar um regime alimentar, mas sempre é hora de começar uma reeducação alimentar. De que forma?

  • Na véspera de Natal e no Réveillon normalmente comemos muita variedade de pratos e com isso consumimos calorias em excesso. Por isso, durante o dia procure fazer uma alimentação mais leve à base de carnes magras, vegetais folhosos, legumes e frutas variadas;
  • Antes das festas faça um lanche saudável utilizando frutas, cereais integrais e queijo light. Esta é uma dica muito importante para não exceder na quantidade ingerida durante os eventos;
  • O ideal é diminuir a quantidade de alimento a ser ingerido, e na medida do possível combinar pratos mais calóricos e elaborados com saladas variadas (utilizar vários vegetais folhosos como por exemplo: alface americana, rúcula, agrião, repolho, etc), pois promovem a sensação de saciedade;

  • Nas preparações dos alimentos substitua os produtos convencionais por lights (p.ex.: maionese, creme de leite, margarina, etc);
  • Dê preferência às preparações assadas, refogadas, grelhadas. Evite as frituras;

  • Para as sobremesas abuse nas frutas. Utilize as frutas da época, pois são de baixo custo e de excelente qualidade: abacaxi, ameixa, goiaba, laranja, mamão, manga, maracujá, melancia, nectarina, nêspera, uva e pêssego;
  • Para beber prefira os sucos naturais, chás, muita água mineral, e até duas taças de champagne ou vinho nos dias de festas;

  • Tire o foco da comida. O mais importante é estar com as pessoas, confraternizar e até planejar em grupo uma mudança do padrão alimentar para o próximo ano. Combinem para que nos próximos eventos as preparações sejam mais saudáveis;

  • Priorize suas escolhas e não fique pensando (principalmente quando chegar em casa) o que não comeu ... coma devagar até perceber o quanto é suficiente para você!

Divirta-se, tenha um Excelente Natal e um Ano Novo repleto de realizações!
ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ... MENTE E CORPO EQUILIBRADOS!

Dra. Letícia Candido Possebon - Nutricionista CRN 3:20332

 

light ou diet Self-Service - Dicas de uma boa alimentação sem exageros

Opção diária de muitos brasileiros, os restaurantes self-service oferecem uma extensa e apetitosa variedade de pratos.

O segredo está em saber montar uma refeição nutritiva – e saborosa – todos os dias da semana. Um dos segredos é antes de se servir, a pessoa deve dar uma olhada em todas as opções disponíveis, saladas, pratos quentes e frios, possibilitando assim a escolha de um alimento de cada grupo e evitando os excessos diante de opções tão variadas.

Como escolher?

  • Para montar um prato equilibrado devemos iniciar com uma salada bem variada de folhas e legumes ocupando metade do prato, ficando a outra metade reservada a uma opção de carboidrato (arroz, batata ou massas), proteína (peixe, frango ou carne vermelha) e leguminosa (feijão, grão de bico, ervilha ou lentilha). Não é recomendável se servir duas vezes, pois corremos sempre o risco de consumir grandes volumes de alimento devido à variedade de oferta.

As proteínas de origem animal são sempre bem vindas, principalmente as opções menos gordurosas, uma vez que esses alimentos trazem consigo a maior parte da gordura da refeição. Diferente do que pensam muitas pessoas, elas são ricas em calorias. Peixe, frango ou carne, o que importa mesmo é a escolha da carne mais magra, dando preferência às carnes brancas. Importante também é a observação das formas de preparo, devendo ser evitados os molhos gordurosos como o madeira e o estrogonofe, as frituras, principalmente, empanadas como o peixe a doré, o bife à milanesa e as diversas preparações de frango recheadas com farofa, bacon e queijos.

O peso do prato não é tão importante, basta analisarmos dois exemplos, onde um deles mais pesado pode ser muito mais saudável e menos calórico do que outro mais leve:

  • Prato 1 – duas colheres de arroz, uma concha de feijão, legumes refogados e uma sobrecoxa de frango;
  • Prato 2 – uma colher de salpicão de frango, um pastel de carne e outro de queijo, um pedaço pequeno de lingüiça calabresa e uma colher de farofa.

Apesar da primeira opção ter quase o dobro do peso da segunda, ela é muito menos calórica e muito mais saudável

Diante de diferentes tipos de massa, prefira as sem recheio, do tipo espaguete ou nhoque, tendo cuidado na escolha dos molhos, uma vez que, muitas vezes, estes são mais calóricos do que a própria massa, como é o caso do molho quatro queijos e certos molhos brancos enriquecidos com nozes, castanhas e embutidos. Uma boa opção de molho é o de tomate fresco. Depois de tantos cuidados, não abuse do queijo parmesão;

  • Para temperar as saladas, procure não ceder à tentação dos molhos prontos, utilize o vinagrete, limão, azeite de oliva extra virgem e o vinagre balsâmico. Cuidado também com o excesso de azeite, pois, apesar de saudável e “da famosa gordura boa”, ele é bem calórico;
  • Evitar ingerir líquidos durante as refeições, principalmente se forem gasosos, pois interferem diretamente na digestão, tornando-a mais lenta e difícil. Para os fãs de refrigerantes, tente reduzir gradativamente, até partir para sucos naturais e conseguir não ingerir mais nada durante as refeições;
  • A ingestão de sal é sempre maior quando comemos fora de casa. Sabendo disso, evite adicionar sal à salada e abra mão de frios, como presunto e queijos amarelos, azeitonas, alcaparras e preparações gratinadas. No caso dos hipertensos, esses cuidados devem ser redobrados;
  • Se uma sobremesa fizer parte do pacote do almoço, lembre-se que uma gelatina tem o mesmo valor calórico que um bombom. Se existir uma preocupação em perder ou manter peso, faça a opção pelas frutas ou salada de frutas e deixe o doce ou o sorvete para o final de semana;
  • Além do sabor da comida, é importante observar a limpeza do ambiente, dos pratos, dos talheres, do uniforme dos funcionários, assim como a proteção dos seus cabelos. Os consumidores também devem ser orientados a evitar conversas durante o ato de servir o prato devido à possibilidade de contaminação das travessas de alimentos pelas gotículas de saliva. As mulheres, em especial, deveriam evitar mexer em seus cabelos, próximo ao balcão de alimentos. Os demais consumidores agradecem.

Devido à grande variedade de saladas e preparações, os restaurantes self-service possibilitam perfeitamente o consumo de uma dieta de baixas calorias, variada e completa em nutrientes. Basta saber escolher e resistir às muitas tentações calóricas.

Dra. Letícia Candido Possebon - Nutricionista CRN 3:20332

 

light ou diet Light ou Diet? Você sabe a diferença?

Diariamente ao passarmos pelas prateleiras do supermercado, nos deparamos com uma infinidade de produtos com modificações em seus teores de gordura, açúcar e calorias.

Antigamente estes produtos só eram consumidos pelos diabéticos e vendidos em farmácias. Atualmente, a procura por estes produtos aumentou tanto, que encontramos facilmente em supermercados.
Hoje, não só os diabéticos fazem o uso destes produtos, mas todos aqueles que querem se alimentar melhor sem abrir mão do sabor, afinal já podemos encontrar bebidas, doces, massas, sobremesas, iogurtes, queijos, etc.

  • A legislação atual autoriza o uso do termo LIGHT quando o alimento possui baixos teores ou teores reduzidos de calorias, açúcares, gorduras totais e saturada, colesterol ou sódio. Esta redução deve ser de no mínimo 25% em relação ao produto similar.
  • Já os produtos DIET são destinados às pessoas que apresentam doenças em que um determinado componente alimentar não pode ser ingerido ou deve ser consumido em quantidades limitadas. São produtos que possuem restrição de alguns nutrientes em sua composição como açúcar, colesterol, sódio,… .Ou seja, produto diet não é sinônimo de alimento sem açúcar!

Assim na hora da compra é sempre bom conferir rótulo e definir a finalidade para o uso do alimento. E não economiza tempo! Leia os rótulos, disque para o telefone do consumidor, informe-se!
Quando mais informado e orientado você estiver, com certeza, melhor será o controle da sua dieta e da sua saúde. E não se esqueça: para o consumo destes alimentos é importante observar o número de calorias que cada um contém, evitando o excesso, pois quando consumindo exageradamente, os alimentos de “baixas calorias” também podem engordar.
Atenção: cuidado com o chocolate dietético, pois tem mais calorias do que o original.

Dra. Letícia Candido Possebon - Nutricionista CRN 3:20332

 

Por que sentimos mais fome no inverno?

A fome absurda que sentimos nesta época do ano é muito simples: a temperatura do corpo diminui, e, para se aquecer, o organismo humano gasta mais energia das nossas reservas fazendo com que a gente sinta mais fome.

Para que você não caia na tentação e coma desesperadamente é preciso ter bom senso e moderar na alimentação, porém, sem exageros. Não precisa sair por ai levando apenas uma folha de alface ou de rúcula pendurada no pescoço quando aparecer um fondue de queijo ou um pacote de pipoca na sua frente. O perigoso é deixar a alimentação equilibrada de lado e transformar as guloseimas em hábito.

Mas, e os fins de semana, onde costumamos dar aquelas famosas fugidinhas e nos deliciar com guloseimas extras? Essas fugas podem sim ocorrer, desde que sejam momentâneas, ou seja, que no dia seguinte você volte a seguir uma alimentação mais balanceada e, pratique também exercícios físicos regulares.

Veja abaixo algumas dessas guloseimas tentadoras, e que, de repente, podem ser substituídas por algo mais saudável e tão prazerosa quanto elas:

  • Pipoca: fiel companheira nos momentos de lazer em frente à TV. Se estourada no óleo vegetal (1 fio é suficiente), em especial de milho, girassol ou canola ao invés de manteiga e não carregar no sal, pois ele retém líquido. Uma porção pequena não é fim do mundo.
  • Doces: evitar doces, principalmente elaborados com chantilly ou creme de leite. Substitua por doces a base de frutas, pois são mais saudáveis e menos calóricas.
  • Chocolate Quente: um item imprescindível no inverno. Uma dica para que ele fique com poucas calorias é prepará-lo com leite desnatado e cacau em pó, que, ao contrário dos achocolatados, rende mais.
  • Sopinhas: podem se transformar em inimigas se não for preparadas corretamente. Uma boa opção são caldos como cremes de palmito, aspargos ou milho, que não precisam ser engrossados e são deliciosos e bem menos engordativos.
  • Torradas e pães: opte sempre pelos integrais e para acompanhá-las, utilize geléias naturais preparados com adoçante, cream cheese light, que são boas opções.
  • Queijos e vinhos: quem passa o inverno longe dessas delícias, não sabe o que é viver, porém, muita atenção!!! O ideal é dar sempre preferência aos queijos brancos, que ficam uma tentação com orégano. Também, não devemos deixar de lado os vinhos, pois o tinto é mais saudável e ajuda a combater o colesterol, à própria gordura e é bem menos calórico que um bom vinho branco. Porém 1 taça (125 ml) é o suficiente.
  • Molhos: dão um toque especial nos pratos, mas também elevam o total de calorias, preferir os molhos naturais de tomate.
  • Fondue: de queijo tradicional, por exemplo, que conta com o sabor dos queijos gruyere e emental, além do pão italiano, aposte em uma receita com vegetais e creme de queijo light, usando couve-flor, brócolis, abobrinha, frango, queijo cottage, leite desnatado e queijo parmesão light ralado.
  • Coma mais vezes: diminua o intervalo entre as refeições. Aproveite que o organismo gasta mais energia para manter a temperatura corpórea e aumente o francionamento das refeições no dia.

Essenciais
Durante o inverno, as verduras e legumes, que costumam ser deixadas de lado, são essenciais. As frutas, em especial as cítricas, e os vegetais verdes-escuros são fontes de vitamina C, que fortalece o sistema imunológico, prevenindo gripes, resfriados e outras infecções respiratórias.

Dra. Letícia Candido Possebon - Nutricionista CRN 3:20332

 

Temperos do bem - Receitas para substituir o sal

Temperos como limão, raiz-forte, gengibre, todos os tipos de pimenta fresca, ervas aromáticas, alho, cebola, salsinha e cebolinha, entre outros, podem muito bem substituir o sal. Há também receitas que ajudam a diminuir progressivamente o consumo do sal. Veja as sugestões:

  • Gersal (para pratos quentes ou frios)

    12 colheres (sopa) de gergelim cru
    1 colher (sopa) de sal grosso

    Em uma panela anti-aderente, toste o gergelim em fogo baixo até que ele mude de cor. Deixe esfriar. Toste o sal na mesma panela. Triture tudo no liquidificador. Guarde em vidro escuro,bem tampado, pois o gergelim, quando exposto à luz, pode oxidar e ficar rançoso.

  • Mix (para cozimento)

    Casca de 1 laranja ou 1 limão (sem a parte branca), picada
    1 colher (sopa) de pimenta-do-reino
    2 colheres (sopa) de cebola desidratada, em flocos ou em pó
    1 pitada de açúcar (excluído para diabéticos)
    1 colher (chá) de aneto
    ½ colher (sopa) de erva-doce
    1 colher (chá) de tomilho
    ½ colher (chá) de páprica picante
    ½ colher (chá) de páprica doce

    Forre uma fôrma com papel-manteiga. Espalhe a casca de laranja e leve-a ao forno fraco por 45 minutos, ou até secar totalmente. Depois de frio, misture os demais ingredientes. Triture tudo o liquidificador e use no lugar do sal durante o cozimento.
  • Mix (para saladas)

    1 colher (sopa) de sementes de gergelim tostadas e trituradas
    1 colher (sopa) de orégano seco amassado entre os dedos
    1 colher (sopa) de erva-doce triturada
    1 colher (chá) de pimenta-do-reino moída na hora
    1 colher (sopa) de tomilho
    1 colher (sopa) de manjerona
    2 colheres (sopa) de cebolinha desidratada
    4 colheres (sopa) de salsa desidratada

    Misture bem os ingredientes. Guarde em vidro escuro. Na hora de preparar o molho, misture 1 ½ colher (sopa) do mix com 3 colheres (sopa) de água morna. Deixe repousar por alguns minutos. Adicione 3 colheres (sopa) de vinagre branco e 5 colheres (sopa) de azeite extra virgem. Bata com um batedor . Regue a salada.

Dra. Letícia Candido Possebon - Nutricionista CRN 3:20332

 

A alimentação e a saúde dos seus cabelos

Uma alimentação equilibrada e saudável é importante não apenas para manter a forma mais principalmente cuidar da sua saúde, incluindo da pele, unhas e cabelos. Problemas nutricionais deixam os cabelos secos, quebradiços e sem vida.Os cabelos oleosos demais podem representar uma alimentação desequilibrada. Deficiências nutricionais também podem causar prejuízos, como queda de cabelo.

Os nutrientes que auxiliam a manter seus cabelos brilhantes, macios e cheios de vida, são as vitaminas do complexo B, betacaroteno (pó-vitamina A), zinco, ferro, silício, cisteína (rica em enxofre), magnésio, cálcio, potássio, ácidos graxos essenciais (ômega 3, 6 e 9) e  proteína. Esses nutrientes são encontrados nos seguintes alimentos:

  • As vitaminas do complexo B estão presentes em grãos integrais, como aveia, centeio, cevada e arroz integral, além de carnes magras, leite magro e derivados;
  • O betacaroteno ou pró-vitamina A é encontrado em frutas e vegetais de cor alaranjada ou folhas verdes escuras, como cenoura, caqui, mamão, couve-manteiga, brócolis e espinafre;
  • O zinco está nos peixes, frutos do mar, aves, leite magro e sementes, como girassol e abóbora;
  • O ferro é encontrado em carnes vermelhas (como fígado), nas leguminosas (como o feijão) e em vegetais de coloração verde escura;
  • O silício está presente na aveia, na cevada, na avelã e no feijão;
  • A cisteína é encontrada nos peixes, na gema de ovo, no alho e na cebola;
  • O magnésio que é encontrado em frutos do mar, abacate, melão, abacaxi, carambola e nozes;

  • O cálcio que está presente em leite magro e derivado, tofu, salmão e sardinha; ;
  • O potássio está nas carnes magras, banana, pepino, uva, amêndoa e semente de girassol;
  • Os ácidos graxos essenciais – Ômega – 3, 6 e 9 encontrados no abacate, azeite, sementes de linhaça, sementes oleaginosas (castanhas) e peixes como salmão, cavala, atum, sardinha etc;
  • Os alimentos fontes protéicas são principalmente as carnes (magras), leite magro e derivados, clara de ovo, por isso não faça dietas que proíbam proteínas.

    Destacando:
  • Esses alimentos devem estar equilibrados na sua alimentação, nada de excessos.
  • Fundamental a ingestão de 8 – 10 copos de água mineral por dia.

Dicas úteis:

Banhos excessivamente quentes prejudicam os cabelos, tornando-os ressecados e quebradiços.
O sol das horas mais quentes do dia deve ser evitado. Ele queima os cabelos e resseca-os. Principalmente as pontas sofrem com isso. Ficam quebradiças, facilitando a formação de nós e pontas duplas.
O uso de tinturas artificiais e produtos fixadores que contêm álcool prejudicam a qualidade dos cabelos, tiram vida e brilho.
Tente ter momentos menos estressantes, pratique yoga para relaxar, ou aproveite alguns momentos do dias para respirar fundo e libertar-se  das tensões, faça isto para saúde do seu cabelo.
Durma o suficiente, tente dormir pelo menos 8 horas por dia, pois um cabelo necessita sempre de uma boa noite de sono.

Dra. Letícia Candido Possebon - Nutricionista CRN 3:20332

 

Emagrecendo com a Ração Humana

Está na busca de uma alimentação saudável, sem seguir aquelas dietas malucas? Uma receita prática vêm revolucionando as dietas. Você já ouviu falar da ração humana?

A ração humana é um composto que contém diferentes tipos de ingredientes ricos em fibra. Controla colesterol e triglicerídeos, aumenta a resistência do corpo, regula o intestino e ajuda na desintoxicação do organismo.
O consumo da ração humana ajuda no emagrecimento, pois, tem a função de estabilização do sistema digestivo e diminui a absorção da gordura. É importante destacar que a ração humana tem o efeito de perda de peso, desde que sejam feitos exercícios físicos e que pelo menos uma das refeições seja utilizada a ração no dia, como por exemplo, nos intervalos da manhã ou da tarde e no café da manhã.

Benefícios da ração humana:

  • Auxilia no funcionamento e regularização do intestino;
  • Excelente para a redução de peso;
  • Auxilia no rejuvenescimento da pele;
  • Diminui os níveis do colesterol ruim (LDL) e dos triglicerídeos;
  • Aumenta os níveis colesterol bom (HDL), dessa forma, diminui os riscos de doenças cardiovasculares e arterioesclerose;
  • Ideal para prisão de ventre e acidez estomacal;
  • Seu consumo regular favorece o controle dos níveis de açúcar no sangue, prevenindo ou controlando diabetes.

Receita Ração Humana

Ingredientes:
200 gramas de semente de linhaça dourada
200 gramas de farelo de aveia
200 gramas de farelo de trigo integral
200 gramas de germe de trigo
150 gramas de extrato de soja sem açúcar
100 gramas de quinoa em flocos
100 gramas semente de gergelim com casca
50 gramas levedo de cerveja em pó
50 gramas cacau em pó (excluído para diabéticos)
50 gramas farinha de maracujá
50 gramas gelatina em pó sem sabor

Modo de Preparo

Bata os ingredientes no liquidificador e armazene a mistura num pote de plástico ou vidro opaco bem fechado, em local seco a arejado.

Como consumir

Adicionar 3 colheres de sopa rasa por dia em alimentos como iogurtes, sucos, vitaminas, frutas. Se necessário, adoce com adoçante a base de sucralose.

Dra. Letícia Candido Possebon - Nutricionista CRN 3:20332

 

Dia Internacional da Mulher :: Alimentação X TPM

No Dia Internacional da Mulher, 08 de março, homenagens não podem faltar.
A elas que se dedicam a jornadas múltiplas, entre família, trabalho, estudos, lar e ainda conseguem se manter serenas e belas. Para celebrar gostaríamos de divulgar uma matéria interessante sobre o mal que aterroriza muitas mulheres, a TPM.
A Alimentação pode amenizar os sintomas, portanto, a mulher deve prestar atenção no que irá colocar no carrinho do supermercado, pois, a compulsão principalmente por doces pode acabar fazendo com que adquira vários quilos alguns dias antes da menstruação, que não irão desaparecer com o término da mesma. Além disto, alguns alimentos podem piorar os sintomas, principalmente no que diz respeito à retenção de líquido, provocando inchaço e dor.

Para saber melhor o que deve ou não ser ingerido nestes dias, aqui vão algumas dicas:

  • Fracione a alimentação, importante que seja em torno de 5 a 6 vezes ao dia;       
  • Importantíssimo a ingestão de água, além de hidratar, auxilia na redução do inchaço e no bom funcionamento do intestino;
  • Aumente a ingestão de verduras, frutas, que contenham nutrientes importantes para o organismo;
  • Evite a ingestão de cafeína e seus derivados, pois eles atuam como estimulantes, e, portanto, agravam alguns sintomas da TPM, tais como a insônia e a ansiedade;
  • Reduza a ingestão do sal. O sal faz com que o organismo retenha maior quantidade de líquido, o que aumenta o inchaço generalizado ou localizado e as dores, principalmente nas pernas e mamas;
  • Evite doces. Dê preferência ao chocolate amargo ou meio amargo numa porção pequena, e deixe derreter na boca, assim a vontade irá passar;
  • Evite o álcool. A ansiedade, depressão e diminuição da auto-estima podem acarretar aumento da ingestão do álcool, e acarretar problemas a curto e longo prazo;
  • Prefira os alimentos que atuam como diuréticos, isto é, que fazem o corpo eliminar mais águas, tais como: morangos, melancia, melão, pêra, salsa e agrião...;
  • Aumente a ingestão da vitamina B, pois esta aumenta a produção de serotonina no organismo, reduzindo os sintomas psíquicos. Coma: Germe de trigo, fígado, melão, arroz integral, ovos, aveia, amendoim e nozes, porém, cuidado com a quantidade;
  • Aumente a ingestão de alimentos que contenham vitamina E, que regula a produção das prostaglandinas, diminuindo os sintomas dolorosos, tais como: soja, couve, espinafre, trigo integral e cereais;
  • Alimentos com altos teores de magnésio, tais como figo, banana, beterraba, sementes, vegetais verde-escuros, banana, frutos do mar, devem ser ingeridos para aumentar os níveis deste elemento no organismo, reduzindo principalmente os sintomas físicos, pois possuem uma ação antiinflamatória;
  • Alimentos ricos em fibras, tais como: legumes, verduras e pão integral melhoram o intestino, aliviando as cólicas menstruais;
  • Alimentos ricos em cálcio, tais como o leite e seus derivados, ajudam a diminuir as contrações uterinas e intestinais, reduzindo as cólicas;
  • Ingerir nozes e castanhas e amendoim, ricos em gorduras boas, as famosas ômega 3 e 6. Estas oleaginosas estão relacionadas à melhora do humor e ajudam na TPM, regularizando o desequilíbrio hormonal característico desta fase. Só tome cuidado, o indicado é ingerir 3 unidades diárias;
  • Evite os refrigerantes: Além de altas quantidades de sódio, piora a retenção de líquidos já comuns nesta fase;
  • Fuja das frituras: São extremamente calóricos;
  • Fundamental a prática de atividade física regular.


    Estas orientações podem ser adotadas com o surgimento dos primeiros sintomas, ou 5 a 10 dias antes da menstruação.


    Dra. Letícia Candido Possebon - Nutricionista CRN 3:20332



  localizaçao feed procorpo facebook procorpo orkut procorpo pro corpo santos pro corpo londrina pro corpo santos pro corpo são paulo pro corpo rio de janeiro